Buscar
  • Kilua

LUA CHEIA EM VIRGEM - 27 fevereiro 2021- Conversas com a Lua by Soraia Sequeira


Lua Cheia aos 8º57' de Virgem

Esta Lua Cheia, que tudo ilumina, é bastante profícua para separar o trigo do joio!

Ora vejamos: o nosso querido Mercúrio já não está retrógrado, portanto, se fizemos o trabalho de casa, fomos rever a pente fino os assuntos pendentes. Está na hora de avançar!

A boa notícia é que podemos avançar com carinho, pois temos uma grande aliada do nosso lado, a inspiradora Vénus, que ontem mesmo ingressou em Peixes.

A tensão, nas nossas vidas, continua, não vale a pena insistir na máscara de carnaval. Já passou essa fase, certo?

A tensão continua e continuará, e, também por isto, é que esta Lua Cheia é tão importante, já que Virgem diz respeito às nossas rotinas, ao nosso bem-estar, à nossa organização, à nossa saúde, assim como à forma como estamos ao Serviço dos outros.

Um dos convites é estarmos mais conscientes do nosso dia a dia, do que escolhemos convidar, seja por via das tarefas, das refeições, das conversas, das companhias. Se é tóxico, é para purgar.

Separar o trigo do joio é escolher seletivamente o que nos acrescenta, o que nos permite evoluir, o que nos estimula a criatividade, o que, a médio-longo prazo, nos proporcionará melhor qualidade de vida. E a qualidade de vida, convenhamos, não é de todo medida pelo que temos, e sim pela frequência em que estamos a vibrar.

Hidrate-se bem, respeite os ciclos naturais. Procure descansar para poder concretizar com mais qualidade.

Estamos prestes a terminar esta lunação, portanto, vamos lá preparar a terra para lançar novas sementes. A semente, por si só, tem todo o potencial do que será no futuro. Deixo-lhe o convite para o meu workshop dia 20 de março, cujo propósito é mesmo este: preparar as sementes que vamos lançar a esta terra iluminada pela Lua Cheia em Virgem.


Sábado, entre as 08h17 e as 16h, tire um momento e recolha-se sobre si.

Acenda uma vela, queime pau santo, segure numa mão os cristais associados à energia de Virgem, nomeadamente cornalina, citrino ou amazonite, e, com a outra mão no peito, medite:

Que sementes quero lançar? Como as posso nutrir? Como vou escolher cuidar de mim? Como posso estar ao Serviço?

Cuidar de si, é cuidar do outro. Cuide de si com profundo Amor.